20160308_103103

Às mulheres

As mulheres e suas amizades. As IRMÃS DE PALAVRA sabem do que significa a amizade entre todas nós. Do aconchego que isso nos dá. Das gargalhadas que acontecem nos nossos encontros. Da sabedoria que sussurramos umas às outras. Da vitalidade que geramos juntas. Da paz que somos capazes de criar no mundo. Porque, sim, juntas somos mais fortes.

Elaine Shimohiro é uma dessas mulheres. Amiga, parente, mulher de palavra. O texto a seguir é de sua autoria. Para falar do que nós mulheres vivemos. Do que nós mulheres podemos…

 

DIA DA MULHER

Sou pedagoga e trabalho na Assistência Social atendendo grupos diversos com idades variadas. Como se aproxima o “Dia da Mulher”, trabalhei o tema com um grupo de Terceira idade, e fiquei surpresa… O fato é que logo de início, um dos senhores, um dos mais informados do grupo, me fez o seguinte questionamento: “Porque tem que ter Dia da Mulher? É um ser como qualquer outro, homem não tem dia! Eu o informei que homem tem dia sim, no Brasil é o dia 15 de julho, apenas não tem muita divulgação, não aparece tanto nas mídias como acontece com o Dia da Mulher.

Conversando com este grupo e com outras pessoas de raças e classes sociais diferentes, percebo o quanto o machismo está presente em nossa sociedade e quão submissa é a mulher brasileira. Eu mesma me pego assim em determinadas situações que aqui não vou exemplificar. É algo que está arraigado em nossa cultura. Nem mesmo as mulheres,ou boa parte delas, fazem ideia de quanta discriminação elas sofrem. Muitas se iludem acreditando que vivem em “pé de igualdade” com os homens, que podem fazer as mesmas coisas que eles, que seus direitos são tão respeitados quanto os deles.

Vamos refletir um pouquinho? Mesmo nos tempos atuais, que mulher que caminha sozinha e observa ao longe um grupo de homens, mesmo que pequeno, consegue seguir seu trajeto livremente, passando ao lado dele, sem se desviar, sem atravessar a rua e ir pela outra calçada? E o contrário? Um homem precisa mudar seu trajeto quando avista um grupo de mulheres?

O homem pode vestir-se da forma que quiser, pode exibir suas pernas bem torneadas e seu peitoral bem definido, o máximo que acontecerá será a apreciação por parte das mulheres. A mulher, no entanto, dependendo da roupa que veste, será sim admirada pelos olhares masculinos, mas não somente, ela será vítima de comentários inconvenientes, obscenos e preconceituosos, inclusive por parte de outras mulheres. E com um detalhe, ela será considerada culpada se algo de mal lhe acontecer.

É por isso, e por muitas outras coisas que o “Dia da Mulher” tem, sim, que ser divulgado nas mídias, que ser trabalhado nas escolas e nos projetos. Os números revelam o alto índice de violência contra a mulher, o número de assassinatos cometidos contra ela, os baixos salários para exercerem a mesma função, e outros detalhes.

É claro que muitas foram as conquistas, mas a batalha ainda não terminou!

À todas as mulheres, feliz “Dia da Mulher!”

20160308_103103

Kelly Shimohiro

Kelly Shimohiro

"Tudo é um ponto. E o ponto é você!" Autora de "O Estranho Contato".