20160705_092318

Desacelere

DESACELERE

Vá a pé. Desligue a TV. Tome um café a dois. Descanse na rede. Acorde devagar. Enxugue a agenda. Ofereça o ombro. Cante com os pássaros. Se divirta no caminho. Conte em uma das mãos os compromissos do dia. Transgrida.

Não troque o celular. Ouça uma play list inteira. Escolha suas próprias roupas. Visite o seu bairro. Arranque as mordaças. Descubra seus talentos. Invista naquele amigo. Beba um vinho. Espere um pouco. Não responda todas as perguntas. Desperte.

Conte até dez. Tome um banho de chuva. Quebre as regras. Aproveite a sua própria casa.  Abra as janelas. Dê as costas. Dê as mãos. Empreste livros. Tenha um encontro. Se demore. Acalme o cérebro. Passe um dia de roupão. Diga não. Surpreenda-se.

Limpe os próprios sapatos. Desconstrua. Se recolha. Mostre a língua. Estenda os lençóis. Não aceite. Seja rebelde. Faça com calma. Edite seus textos. Redecore o jardim. Plante sonhos. Não ouça discursos. Não valide opinião alheia. Se dê prazer. Reduza os lixos. Diga: Sim, amor. Viva aventuras. Descubra-se.

No fim, comece de novo. Não desista. Resista. Insista. Abra os olhos. Ligue sua tomada interna. Prossiga. Ouça a voz de dentro. Pinte as paredes. Aprecie o quadro, a rua, seu saldo. Não repita slogans. Você não é só um operário. Bata as asas e lute por todos. Confie nas estrelas. Faça sua trilha. Seja seu guia. Não pegue a fila. Desacelere. E invente um bom dia!

 

(beijos das Irmãs de Palavra, segue a gente lá no insta @irmasdepalavra)

Desacelere

 

Kelly Shimohiro

Kelly Shimohiro

"Tudo é um ponto. E o ponto é você!" Autora de "O Estranho Contato".